12 de dezembro de 2018

Adventure Club e Snails lança a nova track “Follow Me” com Sara Diamond

Se você tem vontade de uma faixa que combina partes iguais de melodia cativante e baixo angustiante, não procure mais do que a nova colaboração de Snails com o Adventure Club, “Follow Me”, de seu próximo EP “Slimeageddon”. Apresentando os vocais encantadores de Sara Diamond, “Follow Me” funde decadência com malevolência através de assombrações instrumentais, condução de percussão e uma queda explosiva e encardida; Esta faixa multifacetada está fadada a ser um sucesso em sets ao vivo com seus elementos emocionais e dignos de dança. Demonstrando o melhor dos três sons de artistas canadenses, a faixa é o primeiro single do Adventure Club desde o aclamado álbum “Red //Blue” em 2016. “Follow Me” precede o lançamento do aguardado EP “Slimeageddon”, da Snails também inclui “Magnets” lançados anteriormente com Zeds Dead,”Redline” com Boogie T e “Snailephant” com Wooli, entre outros. Outras realizações recentes de Snails incluem o colaborativo “Shake The Ground” com Kill the Noise, a versão remix de seu álbum “The Shell”,a minúscula turnê The Shell 2.0 de 52 shows, bem como a estreia de sua própria revista em quadrinhos “The Sluggernaut”. O artista de Montreal está continuamente evoluindo sua marca com sons e colaborações emocionantes, então não podemos esperar para ouvir todas as faixas do EP “Slimeageddon”, o próximo capítulo do que está se tornando uma saga épica para o fundador da Vomitstep.

Snails é verdadeiramente um artista cuja a música não tem limites. Na sua música “Vomitstep”ele encontrou uma casa no elogiado selo OWSLAe o levou a trabalhar ao lado de figuras como Skrillex, Diplo e mais.Recentemente, a Snails lançou seu selo Slugz  Music como um lar para sua música e para outros, o que é tão escandaloso quanto eles querem que seja. Atualmente fazendo turnos em sua grande turnê norte-americana, Snails tem um tratamento especial para os participantes na forma de seu novo palco The Shell 2.0. O palco está sendo chamado de uma “experiência de música bass holográfica alimentada por uma produção inovadora” e é feito em parte com Beama Visuals, os assistentes de produção de palco para Excision e outros clientes impressionantes. Confira uma prévia do The Shell 2.0 em toda a sua glória aqui. O Sluggtopia, foi um pontapé de início épico para a turnê, estabelecendo a fasquia alta para o resto das paradas.

Sobre Clênio Martins

Clênio Martins
Mineiro, amante de música eletrônica na suas variadas vertentes.