Ibiza quer abrir clubes para o verão

Ibiza segue lentamente mas de formas seguras a reabertura gradual, com seus esforços em tentar restaurar seu turismo. Ainda hoje, a Associação de Lazer de Ibiza solicitou que o governo abrisse clubes a partir de junho. A informação é da Mixmag.

Atualmente, o país está aplicando um protocolo de ação específico com medidas de segurança sanitária. Eles apresentaram o protocolo por meio de videoconferência com o Ministro da Economia, Turismo e Trabalho e o Diretor de Saúde Ocupacional. A associação afirmou ainda que vai continuar a dar prioridade à saúde e à marca Ibiza porque representam 38 locais. Hotéis, restaurantes de praia e clubes desempenham um papel vital em seu turismo.

O objetivo é implementar todas as medidas necessárias em conformidade com as autoridades para garantir a segurança e a confiança dos funcionários e da clientela. O que exatamente este protocolo envolve? Todos os clientes devem ser vacinados e possuir um certificado digital informando seu estado de vacinação. Também deverá ser informado se já contraíram Covid-19. Se eles não tiverem o certificado, eles necessitam de um teste PCR negativo realizado nas últimas 72 horas. Isso servirá para a entrada de espaços fechados.

Como a Espanha está se preparando para a primavera, isso significa que a ilha vizinha também verá alguma ação parecida. O primeiro-ministro espanhol pede que todos sejam vacinados o mais rápido possível. Eles querem ser o farol da ressurreição do turismo em todo o mundo, de acordo com a Mixmag. Claro, todo mundo quer evitar uma nova onda, especialmente durante o verão europeu, quando muito se perdeu com as turnês, festivais e eventos.

Os passaportes de vacinas ainda visam ser seu elemento de mobilidade segura e uma maneira de voltar os eventos de formas seguras. Agora, Ibiza abriu seus bares e restaurantes. Eles esperam que as restrições de viagem no Reino Unido aumentem para que os viajantes possam escolher Ibiza como destino, o que não é a realidade no momento já que muitos eventos foram anunciados nas últimas semanas no território inglês.