23 de setembro de 2019

Pirate Snake se torna um vilão em “Robotnik”

2019 é um ano de muito trabalho para Raul Mendes em seu novo projeto Pirate Snake. A oitava faixa lançada pelo DJ e produtor nesta nova carreira é “Robotnik”.

Fã de vídeo game, Pirate Snake explica: “Robotnik é o inimigo do Sonic, game que eu jogava quando era moleque. Sempre curti o personagem. E quando achei o sample falando ‘ready, ready… Destroy’ pensei nele na mesma hora!”.

Ele ainda completa: “eu sou uma pessoa que se vê representado mais pelo vilão do que pelo mocinho, né. Imaginou uma cobra pirata boazinha?”, brinca. “Tentei fazer um som mais com cara de vilão, mais fechado dentro da minha essência”, esclarece o produtor. 
A track não possui melodias muito abertas, mas têm baixos bem gordos e muito FX combinando com a proposta do vocal. “Uns lembram até ‘tiros supersônicos’”, considera.

Com quase 20 anos de carreira cheios de momentos inesquecíveis e marcantes, Raul Mendes lançou seu novo projeto de Tech House, PirateSnake, em busca de novos desafios, basicamente começando do zero, tocando o que tem lhe dado prazer.

Entre os lançamentos mais recentes do DJ, estão: “Discotech”, com uma pegada Funky Soul e Disco; “Good Times”, em parceria com Kesia, em uma releitura grooveada de um clássico do R&B de 1979; e “Like Party”, colaboração com Röde pela HUB Records inspirada no synth da “We Like to Party” do Vengaboys.

A nova bomba “Robotnik” foi montada 100% em cima da proposta de um vilão robótico mandando destruir o mocinho. Preparado para ouvir o BOOOOOM?

Sobre Redação WiR