11 de novembro de 2019
Julian Jordan rescinde com Spinnin' Records

Após Garrix, Julian Jordan é o próximo a deixar Spinnin’ Records

Após ninguém mais ninguém menos que Martin Garrix deixar a Spinnin’ Records e ainda travar uma batalha judicial com a gravadora holandesa, outros grandes e ótimos talentos também resolveram seguir o exemplo. Desta vez quem resolveu romper o contrato foi Julian Jordan, um dos talentos recentes mais promissores da gravadora, seguido também pelo DJ/produtor dinamarquês Mike Hawkins. Em uma declaração oficial em sua página do Facebook, Jordan escreveu:

Nos últimos meses tentamos assinar um novo acordo com a Spinnin’ Records, mas infelizmente eles não concordaram com um novo negócio. As últimas duas semanas construímos uma nova equipa Julian Jordan que me dará mais liberdade do que antes. Eu vou dar a vocês mais músicas novas e estou feliz em anunciar que o meu próximo single será lançado pela Revealed Recordings de Hardwell. Eu nunca me senti mais criativo, e não posso esperar para mostrar a vocês tudo o que eu estou trabalhando. Muito amor a todos os meus fãs e espero vê-los em breve!

Jordan assinou com a Spinnin’ em 2012 com o lançamento de “Rock Steady”. Na época ele tinha apenas 16 anos — a mesma idade em que Garrix assinou com a mesma gravadora. A ausência do DJ/produtor será sentida na gravadora, uma vez que uns dos grandes lançamentos da gravadora em 2015 foram de Julian Jordan — “Lost Words” e“All Night” (dezembro 2015-janeiro 2016). A Spinnin’ Records ainda não se pronunciou oficialmente sobre o ocorrido.

Sobre Redação WiR