Com posição inédita de Alok, destaque de Vintage Culture e presença de Cat Dealers; Confira o TOP 100 DJ Mag!

Hoje conhecemos os TOP 100 DJs DA MAG, que elege por votação popular os Djs com maior destaque mundial durante o ano. E pelo segundo ano consecutivo, o David Guetta, foi eleito o DJ número 1º do mundo e, consequentemente, tornou-se o quarto DJ da história a ter conquistado o primeiro lugar pelo menos três vezes, depois do holandês Martin Garrix, Tiësto e Armin van Buuren.

Depois de lançar seu projeto Future Rave ao lado do Morten e aproveitar ao máximo um ano e meio sem um clube ou festival com transmissões ao vivo de um nível sem precedentes. Apresentando um concerto virtual inesquecível do Museu do Louvre de Paris na véspera de Ano Novo e uma apresentação em um gigantesco prédio no Burj Khalifa em Dubai

Sem surpresa, Martin Garrix não fica muito atrás e leva o segundo lugar de Dimitri Vegas & Like Mike, rebaixado para a quinta posição. Boa surpresa para os fãs de trance, Armin van Buuren aproveita e volta ao pódio pela primeira vez desde 2017.

Mas para a cena nacional brasileira ganhando cada vez mais espaço no mercado internacional, alguns dos nossos Djs entraram novamente entre os 100 DJs DA MAG. No ranking, o brasileiro Alok foi anunciado com a 4ª posição, ficando no Top 5 dos melhores nomes presentes.

“Esse quarto lugar na DJ Mag tem uma importância muito grande na minha história e a cada ano de conquista eu fico ainda mais ciente de que sozinho não conseguiria caminhar até aqui. É uma conquista não só minha, mas dos meus fãs, da minha equipe e de todos os meus parceiros que me acompanham nesta jornada. Muito orgulhoso desse resultado, o que me deixa ainda mais empolgado com o retorno dos shows e da normalidade, nosso maior sonho coletivo atual”, diz Alok, em depoimento.

O ano para o DJ brasileiro, foi de grandes realizações, sendo um dos responsáveis a lançar uma música exclusiva para a Spotify Singles, na mint, com a track “It Don’t Matter.” As produções e colaborações com diversos Djs / produtores e cantores, confirma o incrível trabalho que o brasileiro vem construindo.

O lançamento de tracks como “Domino”, ao lado de Vintage Culture, consagrou um dos momentos mais aguardados de todos brasileiros, com uma collab entre uns dos maiores nomes da cena nacional. Além de lançar EPs como “ALL WE HAVE IS N:OW”, com participações de Malifoo, Hollaphonic, Gaullin, Kohen, Mojjo, Dimitri Vegas & Like Mike e KSHMR.

Outro segundo EP, contou com Glimmer of Blooms, Sofi Tukker, INNA, Alida e Daniel Blume, em “Can’t Get You Out of My Haed Vol. 001”.

Além de emplacar diversas faixas, o DJ realizou parcerias com Alott, Apophis, Bhaskar, John Legend, Banda Melim, BLOODLINE, Everyone you know.

Alok ainda apresentou seu ALIVE, em um set diferenciado com projeções digitais de altíssimo nível, hospedado pela Insomniac.

Em sequência das colocações da DJ MAG, os brasileiros Vintage Culture, subiu treze posições referente ao ano anterior, ficando em 17º lugar no ranking e o duo Cat Dealers, permanecendo entre os TOP 100 DJ, na 86º colocação.

Este ano para Lukas Ruiz, a.k.a Vintage, foi uma onda de sucessos, se consagrando o produtor número 1 do mundo, pela 1001tracklist de 2021.

Ressaltando suas mais diversas produções de destaque mundial, com as músicas de sucesso como o remix de “Love Tonight” com Kiko Franco, “Free” ao lado do duo Fancy Inc, “It is What It Is” pela gravadora Defected Records, remix com John Summit de “Drinkee” e o remix de “Next to Me” do trio RUFUS DU SOL.

Vintage Culture também fez várias lives este ano, apresentações exclusivas em grandes festivais: EDC, Untold, Tomorrowland Around The World e etc. Além de uma live no Pão de Açúcar em parceria da marca Bye Bad e para a DJ MAG.

Agora para o duo Cat Dealers , que vem fazendo bons trabalhos e expandindo suas músicas para o mundo todo. Fez colaborações com diversos nomes como Charlote Haining, Loud Luxury, Dragonette, Sunnery James & Ryan Marciano, Bruno Martini, Dubdogz e Amanda Collis.

Ainda aproveitando a realização de shows virtuais, a dupla foi responsável por fazerem várias lives, inclusive para a Insomniac.

Com o retorno de grandes clubes e festivais, ainda há muito por fazer, e os DJs / produtores poderão voltar a mostrar os seus mais diversos trabalhos diante o público, e fazer que 2022 seja um ano marcante para a nossa indústria da música eletrônica.

Essa edição do TOP 100 DJs DA MAG foi marcante, pois, o Alok alcançou a maior posição que um brasileiro já atingiu no TOP 100, bem como, a diversidade de DJs e produtores nessa edição de 2021 do TOP 100.

Confira a lista completa.

Meu nome é Renan Galati, tenho 23 anos e moro no interior de São Paulo na cidade de Ribeirão Preto, atualmente curso Jornalismo e sou um grande amante de musica eletrônica.