21 de outubro de 2017

Conhecido por seu bass envolvente, Goak fala sobre sonhos, carreira e muito mais O prodígio Goak é o quarto nome da série Mustache Crew

Goak é o projeto formado pelo Produtor/DJ Gustavo Carvalho. Apaixonado por música eletrônica, suas produções são registradas por vocais dançantes, bass envolventes, synths melódicos e marcantes que atingem os mais variados gostos dentro da House Music. Goak tem como influência o House, Nu Disco, G-House, Deep House, Indie House, Techno, Tech House, Jackin House e UK Garage.

Batemos um papo com ele para saber mais sobre seu trabalho diferencial na cena atual, e você confere a seguir:

WiR: Primeiramente obrigada por ter aceito o nosso convite, e por fazer parte da nossa série da Mustache Crew. Vamos lá: Quando exatamente a música eletrônica floresceu dentro de você? Você sempre esteve interado na cena, ou isso foi adquirido com o tempo?

Goak: Obrigado pelo convite e pela oportunidade em poder compartilhar um pouco da minha vida e meu trabalho com vocês! Bom, desde os meus 13 anos gostava muito de música eletrônica e ficava sempre antenado nos lançamentos dos artistas que estavam em alta na época… E com o passar dos anos, o interesse e a paixão foram crescendo dentro de mim. Conheci alguns DJs e a vontade de começar a trabalhar com isso foi florescendo. Até que, por meio de amigos, fui conhecendo mais um pouco sobre discotecagem e produção. Não deu outra, hoje não passo 24 horas sem produzir!

WiR: Vimos que recentemente você lançou sua nova música de trabalho, pela gravadora e incubadora de idéias Re:Agent. Como foi o processo de criação dessa track?

Goak: Na realidade, essa track eu comecei enquanto estava fazendo um curso de mixagem e masterização. Conforme fui aprendendo coisas novas, fui testando em cima dessa música (que até então não passava de um projeto). As ideias foram surgindo e, quando passei a ter uma noção de como iria ficar, encaminhei para alguns produtores mais experientes, que gostaram bastante. Resolvi então, finalizar a música e encaminhar para a labe. Eu acompanho todos os lançamentos da Re:Agent e, para mim, foi uma felicidade muito grande ao ver que eles se interessaram em assinar a música.

WiR: Você tem algum DJ ou música, independente do estilo ou nacionalidade, que te inspire ou te influencie?

Goak: Fica difícil nomear apenas um, mas admiro bastante o Dazzo, Sevenn, Vinne, entre muitos outros que, de alguma forma, influenciam a forma como eu enxergo, escuto e estudo a música.

WiR: Como é pra você, ser um dos membros da grande Mustache Crew?

Goak: Fico muito feliz e honrado, não apenas por ser uma label party que vem crescendo a cada dia, mas por ver que todos artistas estão em constante evolução e que há troca de conhecimento entre nós.

WiR: Hoje, qual é seu maior sonho e objetivo como DJ?

Goak: Fazer parte do casting de uma grande agência de bookings e, um dia, tocar no Green Valley e fora do país.

WiR: Aonde e como você vê o projeto Goak daqui 5 anos?

Goak: Colhendo os frutos do empenho e dedicação que tenho hoje, ao fazer cada música, a cada apresentação, ao buscar mais conhecimento e qualidade no meu trabalho. Pretendo ser um profissional completo, trabalhar todas as áreas de um artista, seja como produtor, DJ e mixador/masterizador.

WiR: Por fim, você gostaria de deixar um recado especial a todos que te acompanham?

Goak: Próximos meses vindo com várias novidades já programadas. Fica meu agradecimento à todos que me apoiam e realmente acreditam no meu trabalho, seja minha família, amigos e pessoas diretamente envolvidas com meu trabalho, fiquem ligados!

 

 

 

Comentários

Sobre Samantha Cristina

Samantha Cristina
Jornalista e redatora da equipe WiR em São Paulo. | music is our happiness