23 de outubro de 2019
Créditos: Thais Seiler

E foi assim o melhor bloco de Carnaval de São Paulo, o “Unidos do Bass”, na Lions Nightclub

Quem já conhece a festa Bass Generation sabe que é uma das melhores festas voltadas ao Bass Music do Brasil. Toda edição é sempre a mesma energia do público, com muitos bassheads, galera reunida. muita música boa e essa edição não foi diferente!

Em sua segunda edição no Lions Nightclub, a festa Bass Generation trouxe um line up recheado de mega atrações, duas pistas e um soundsystem de primeira linha no palco principal, onde atrações como Repow, Maffalda e Ecologyk vs Caio Mass se apresentaram.

A grande atração da noite foi Repow, que fez uma apresentação impecável, mesclando muito Trap e Dubstep com um pouco de Electro House, como a clássica faixa de Garmiani, Jump & Sweat que fez muito sucesso nas pistas e uma pitada de funk, para a alegria da galera presente na festa, afinal diversidade musical é sempre bem vinda na Bass Generation. Repow também estreou algumas faixas novas, inclusive sua parceria com DJ Shark, “Mãos Pra O Ar“. Além disso, a galera fez uma rodinha de headbangin durante o set do Repow que mostrou o tamanho da energia do público da Bass Generation.

O b2b entre Caio Mass e Ecologyk também era bastante aguardado e a dupla residente da festa não desapontou, pelo contrário, surpreendeu e muito o público ali presente, com muita Bass Music, dessa vez eles não derrubaram a caixa, mas com certeza fizeram uma das melhores apresentações da noite. Ecologyk também estreou sua nova faixa “On My Way” ao lado da cantora Tara Louise.

Na sequência outro b2b de qualidade: Maffalda x Moffo. O duo trouxe bastante funk e hip hop mesclado com Trap e Future Bass, uma apresentação bem diferente e com uma linha melódica, com muito subgrave batendo forte! Droidstep encerrou a pista principal com o melhor do Dubstep pesado, pra delírio da galera. Outros artistas que merecem destaque também foram DVBA e Rakka que abriram as portas do club com uma somzera de qualidade.

Maffalda x Moffo

M x M
Créditos: Matheus Silva

Droistep

DS
Créditos: Matheus Silva

Já a pista Lobby, trouxe uma sonoridade bem distinta, voltada para diversas vertentes da música eletrônica, dentre os destaques estão Padovan9 que tocou um som mais na linha de Brazilian Bass, Nu Disco, com um toque de Bass House, Electro House. Bastante produções próprias no set.

Padovan9
Créditos: Matheus Silva

Dead-Line, que fez um set com uma linha bastante diferente que costuma produzir e agradou bastante o público da festa, com um set voltado ao Bass House e Groove, com bastante músicas dançantes.

Deadline
Créditos: Matheus Silva

Outro grande destaque na pista Lobby foi Mike, que mandou um dos melhores sets da noite, com o melhor do Bass Music, muito Trap e Hybrid, com mixagens excelentes, sem deixar a pista descansar.

Mike
Créditos: Thais Seiler

Os vencedores do concurso promovido pela Bass Generation em sua página do Facebook, o duo Insert Name_, também se apresentaram no palco Lobby e fizeram uma apresentação variando entre diversos estilos da da e-music, passeando pelo Dubstep, Trap, Electro House, Bounce, com muita presença de palco e diversas produções próprias.

Insert Name_
Créditos: Matheus Silva

Logo após, 2Krew assumiu a pista e mandou um set com muito Minimal e “Brutal Bass” e diversos remixes de psytrance famosos como a clássica Harmony, de Hi Profile.

2krew
Créditos: Matheus Silva

E foi assim mais uma cobertura da festa Bass Generation, uma das melhores festas de São Paulo e do Brasil. Com o melhor do Bass Music, um público extremamente fiel e cheio de energia! Até a próxima.

Sobre Redação WiR