Entrevista: NERVO e Alexandra Stan falam sobre ‘Come Into My World’

Alexandra Stan está de volta e prestes a lançar seu quinto álbum de estúdio e, numa parceria deliciosa, lançou ‘Come Into My World’ com o NERVO. A faixa ganhou duas versões, dois clipes e já é uma das melhores do ano. Com uma vibe dance, oitentista, é difícil não viciar da mesma forma que viciamos em tudo que essas meninas lançam.

E nós da WiR tivemos o prazer de bater um papo com elas e descobrir um pouquinho sobre o processo de criação e o que vem pela frente. Foi um papo divertido e descontraído e separamos tudo pra compartilhar com vocês.

Confiram abaixo:

WiR: Primeiramente, eu gostaria de dizer que estou um pouco obcecado com ‘Come Into My World’! Que hino, garotas. Bom trabalho!

Alexandra: Wow, muito obrigado! Nós gostamos na mesma proporção que você. Eu realmente amo, acho que é uma das minhas melhores músicas, depois de Mr. Saxobeat. Não sei se será tão bem sucedida quanto, DEUS NOS AJUDE QUE SIM (risos), mas eu definitivamente amo as duas na mesma proporção!

NERVO: É tão cativante! Eu ouvi Alexandra cantando uma versão acústica e agora que o remix saiu e temos novas versões… Toda vez eu lembro o quanto Alexandra arrasou nessa!

WiR: Então o remix trouxe uma nova energia, uma nova vibe?

Alexandra: O remix é muito Nervo, é um update!

NERVO: Sim, nós queríamos fazer algo que fosse mais dance music/club, um som que estamos ouvindo bastante ultimamente aqui na Europa. E eu não posso acreditar que vamos tocar com Alexandra na Romênia!

WiR: Então Nervo e Alexandra irão apresentar a música juntas, isso é maravilhoso. Sabemos que o Nervo escreveu a faixa mas quem teve a ideia inicial dessa colaboração?

Alexandra: Eu e minha equipe. Eles me mandaram diversas faixas e essa, quando ouvi, foi a que mais amei. Eu só precisei ouvir alguns segundos para amar e saber que eu precisava estar nela. Na verdade, eu ouvi a versão demo mas foi suficiente. E as meninas tiveram a ideia de produzir um pouco mais a faixa, mudar algumas coisas e então vieram com a ideia do remix com uma vibe mais oitentista e eu adorei ainda mais do que a versão que já tínhamos.

WiR: E sobre o videoclipe? São dois, correto? Um para cada versão. O primeiro é maravilhoso!

Alexandra: Obrigado! E sim, o segundo é um pouco diferente do primeiro, mas não muito.

NERVO: Você poderia ser um dos dançarinos do clipe! Você parece um pouco com os caras que estão nele. Quem sabe colocar um óleo no corpo (risos).

WiR: Eu estou muito magro para isso (risos)! Garotas, como foi a vida e o último ano em meio a uma pandemia para vocês?

Alexandra: Bem, trabalhei em diversas músicas, assim como todos os artistas, pois, tínhamos tempo para isso, sabe?! Eu escrevi quase todo o meu novo album nesse período e ele já está quase pronto, inclusive vídeos e fotos. Para mim, foi estranho no começo mas então eu comecei a curtir esse tempo perto da minha família e produzir, passei um tempinho no Instagram, acordava as 4 da manhã para comer (risos), dormi bastante… E para ser honesta, foi uma bênção ter a música pois eu não sei como teria lidado sem isso. Eu lembro de ter visto diversos DJs fazendo lives e tocando para as pessoas por redes sociais e eu aproveitei isso também.

WiR: E sobre o seu quinto álbum, quando ele será lançado? Ele se chama ‘Rainbows’, correto?

Alexandra: Sim, Rainbows. Ele será lançado provavelmente no Outono, talvez no próximo mês… Temos mais dois vídeos para gravar e a capa fizemos essa semana. Estamos finalizando tudo, estamos na parte visual, que se me permite dizer, é a mais difícil. Está quase pronto!

WiR: Eu posso imaginar! E teremos Come Into My World na tracklist, correto?

Alexandra: Sim, definitivamente!

WiR: E o que o NERVO tem para os próximos meses e para o próximo ano?

NERVO: Nós temos muitos shows pela frente, na verdade. Temos festivais e grandes audiências pela frente. Nós tocaremos em Moçambique e no Quênia pela primeira vez e eu quero levar minha família, curtir, aproveitar essa viagem… Ah e temos músicas para serem lançadas e grandes parcerias também, que, infelizmente, eu não posso falar sobre por enquanto mas sim, muita música está vindo.

WiR: Vocês estiveram no Brasil em 2019 e 2020. Rock in Rio e Laroc Club. Como foram esses dois momentos?

NERVO: Sim! Nós tocamos no Rock in Rio em setembro e foi maravilhoso. E antes do covid explodir, tocamos também no Brasil… Foi um dos nossos últimos shows.

WiR: Nosso país precisa muito de mais shows do Nervo quando tudo isso passar. Agora que as coisas estão começando a melhorar, já estamos ansiosos para tê-las aqui novamente… E Alexandra, você já conheceu o Brasil?

Alexandra: Sim, eu nunca fui ao Brasil mas eu preciso muito ir! Se não for com um show meu, irei com as meninas para algum dos shows delas, eu quero muito isso. Eu amo festivais, vou sempre que posso pois amo ouvir artistas da eletrônica tocando.

NERVO: E Alexandra, o Brasil e os brasileiros possuem uma energia… Wow, é louco e eletrizante. E é tudo verdade o que dizem sobre os latinos, a festa não para e é boa do início ao fim. As vezes tocamos por quase duas horas por lá, até de manhã cedo e as pessoas estão malucas de felicidade e energia. Principalmente no Brasil e na Argentina. E eu vou sempre dizer que o melhor show que o Nervo já fez foi no Tomorrowland Brasil 2015, em São Paulo. Oh, Alexandra, nós temos que voltar lá. Vamos juntas!

Alexandra: Oh, sim. Por favor, nós precisamos disso. Vamos fazer uma tour juntas, começando pela Romênia, que tal? (risos).

WiR: Isso seria incrível. Alexandra, eu tenho mais uma pergunta, que veio direto do Alexandra Stan Brasil, o seu portal de fãs brasileiro. Eles gostariam de saber se um dia você toparia participar do Eurovision representando a Romênia. Você já pensou nisso?

Alexandra: Hmm, eu não sei. É um tópico que sempre me perguntam mas é um festival para novos artistas… Apesar que alguns nomes conhecidos já passaram por lá, então quem sabe? Eurovision está sempre mudando, nós nunca sabemos o que pode acontecer. Antes ele era mais voltado para músicas antigas e agora é o oposto, com grandes apresentações e estilos diferentes. O que posso dizer é que quem sabe um dia…

WiR: Sim, quem sabe um dia? Nós amaríamos. Meninas, é isso. Agradeço demais pelo tempo e pelo papo. Por favor, venham ao Brasil o quanto antes, precisamos disso!!!!

NERVO: Sim, precisamos muito disso também.

Alexandra: Oh, já estou aqui querendo voar para o Brasil.

Designer, redator e social media. Music makes the people come together.