Nessa sexta (27), o Fabrique Club recebe a primeira edição da festa FLOAT

Com um nome vem de flutuar, a FLOAT chega para justamente mostrar ao público que a música é uma terapia, que possibilita fugir da correria do dia a dia se divertindo, curtindo um som underground de qualidade.

Com uma proposta de promover a união na cena underground paulista, a FLOAT uniu 3 coletivos de música eletrônica underground de rua: Underground Movement, Techno De Rua e Mortal Techno, além de convidar um DJ representante de cada coletivo para tocar na festa, montando assim um núcleo de apoio, para que todos se ajudem no que for preciso. Nada de panelas, todo mundo se ajudando. A filosofia é que todos merecem espaço na cena.

O evento terá foco na progressão de som, envolvendo diferentes linhas de tech house e techno, sempre mantendo o underground. E com uma decoração especial, pensada a partir do conceito do nome, tendo como principal referência uma âncora – que indica justamente a ideia da pessoa ficar ancorada na pista, curtindo o som e flutuando com ele.

A primeira edição já tem data e local marcado, dia 27 de abril, a partir das 23h, no Fabrique Club, em São Paulo. O line up conta com a presença de Mochakk, Felipe Constantino, Droopkiller, Hibern, Luis Redfern, Megaldee, Melanie Heavens, S3ktor, Théos e Victorious.

Para mais informações sobre o evento e ingressos, clique aqui.

Amanda Nakao

Adora entrevistar DJs e é viciada em batata frita - não pode ver batata em festival que já quer!