21 de Maio de 2018

Precisamos falar sobre: a importância do Avicii e seu impacto no cenário eletrônico

Não é fácil escrever um artigo desses de uma pessoa muito renomada e importante como Avicii. Encontrado morto nesta sexta feira (20) em Omã, no Oriente Médio, o sueco Tim Bergling, nos deixa aos 28 anos de idade. Jovem, inspirador, revolucionário, lendário.

Jovem. Sim, 28 anos de idade e ele tinha MUITA coisa para agregar, vivenciar, aprender, ensinar, transmitir. Não podemos negar que Avicii, foi um dos caras que ousou e colocou a cara à tapas a fim de transmitir sensações para as pessoas com suas músicas. Sim, sensações.

Se você pegar qualquer produção de Avicii, conseguirá sentir a energia que ele depositou alí ou até mesmo seus sentimentos. Sabe obra de arte? Nós podemos considerar suas músicas como pura obra de arte. É aquela obra que te toca, que te conecta, que te faz de certa forma feliz.

Inspirador. Sim, o Avicii foi uma inspiração – e continuará sendo – para diversos produtores e DJs. O Avicii possui produções únicas, que qualquer produtor sonharia em dizer “essa track, foi eu que fiz!”. Não é à toa que Avicii conquistou seu império e legião de fãs. Não é à toa que Avicii se tornou um dos DJs e produtores mais renomados mundialmente. Não é à toa que TODO MUNDO gostava de Avicii.

Revolucionário. Sim, o Avicii trouxe a revolução e o destaque para o cenário eletrônico juntamente com Swedish House Mafia e David Guetta. Ambos artistas ousaram, lançaram, comandaram lugares e alcançaram veículos de mídia que ninguém nunca imaginou que o dance music poderia chegar. Eles visibilizaram um estilo musical, pessoas, festivais, que, até então, não tinham tanto destaque assim. É por isso que o Swedish House Mafia é tão adorado e respeitado, é por isso que o David Guetta se tornou um nome forte e único no cenário. Não são apenas criadores de hits. Não existem pessoas como eles. São talentos únicos, são pessoas que quiseram transmitir e compartilhar a música com o mundo e deu certo. Esses nomes, são grandes inspirações e responsáveis por nomes de produtores que atualmente estão em destaque.

Lendário. Sim, não há dúvidas que o Avicii é uma lenda. Que pessoa não conhece Avicii? A geração 2000, cresceu ouvindo Avicii nas rádios! Avicii fez músicas, ou melhor, obras de arte, colaborações e descobriu novos talentos. Suas produções agregaram de uma forma única e impactante. Avicii é Avicii.

É muito triste saber que perdemos um grande artista como o Tim Bergling. Ele não era somente um DJ e produtor. E não, não é clichê gostar de Avicii. Não é clichê admirá-lo. Acho que todo mundo que acaba sendo introduzido no cenário, começa pelo abecedário. Avicii, Tiësto, Swedish House Mafia, Armin van Buuren e David Guetta, são esses o abecedário.

Não podemos também de deixar de mencionar que infelizmente os vícios e doenças, tiram a vida de pessoas que amamos e admiramos. É muito triste saber que perdemos o Avicii. É muito, muito, triste.

Você vai fazer falta, Tim. Parabéns pelo seu legado. Lendas não morrem e suas músicas sempre continuarão vivas. Descanse em paz!

Comentários

Sobre Amanda Nakao

Amanda Nakao
Gosto de pizza.