26 de junho de 2019

PREMIERE – A BRUK voltou com mais um EP com muito Bass E dessa vez o Vol. 05 foi em 3 partes

Os rapazes do selo BRUK/Broken Beats não param. Em seu segundo lançamento em 2017 eles foram além e fizeram o volume 5 do seu EP em 3 partes. Quem vem acompanhando a evolução do selo carioca sabe que Fabio Bout e João Lyrio estão se espalhando pelas pistas cariocas de forma organizada.

Já é a terceira vez que escrevo sobre esse projeto e não me canso de acompanhar seus avanços. Não existe um dia que eu não seja impactada por algo novo que os rapazes vem fazendo: seja uma festa nova, parcerias, encontros sobre técnicas de produção musical para produtores menos experientes chamado BRUK Collabs, seja o aniversário de dois anos da festa que lotou a boate carioca Fosfobox em plena quinta feira útil mostrando que quando você faz algo com amor e investe seu tempo e sua dedicação o resultado sempre chega.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Quem conhece a marca e os rapazes sabe que a ideia ali é sempre de parceria e união e essa ideia acaba pulverizando as mentes de todos os envolvidos com a BRUK. Nos encontros da BRUK Collabs rola tanta coisa boa que os produtores já começaram a pensar em uma parceria real com a escola onde eles marcam os eventos. Acabou que isso gerou frutos e uma das colaboradoras do selo, a DJ e produtora EveHive se reuniu com outras DJs e produtoras mulheres brabíssimas do Rio de Janeiro e criaram um projeto de aulas apenas para outras DJs e produtoras mulheres em início de carreira. Porque com essa galera é assim: o corre não pára e ele nunca é feito sozinho.

Diferente da última vez que rolou a curadoria da compilação, dessa vez eles não fizeram uma grande campanha para receber novas tracks, apenas avisaram que o email continuava aberto para a galera mandar suas produções. Porém, como o projeto estava crescendo, eles aproveitaram e chamaram novas pessoas para participar dessa curadoria e os escolhidos foram Carlos do Complexo, EveHive, Moonar e Intr3pico. Foi quando eles decidiram lançar uma parte do EP por semana para abraçar todo o material de qualidade que receberam.

Um dos novos nomes dessa edição é o do Ftureable que foi apresentado aos meninos pelo Thiago Salvador do Pesadão Tropical de Pelotas em um dos encontros da BRUK Collabs e que acabou participando desse EP com uma colaboração com Sane e Jeivos. Anshu Sound, produtor paulistano da BeatWise Recordings é mais um dos nomes inéditos a participar do projeto. Repetindo a parceria dos últimos EPs, dessa vez temos a primeira track solo da EveHive, uma nova do DKVPZ, mais uma do Pep. e um funk experimental do Arth.exe.

Melhor do que ficar falando do som da galera é ouvir o som da galera. Bom bass pra todos!

Todas as fotos por Lucas Sá do I Hate Flash.

Siga:

Soundcloud > soundcloud.com/brukbass

Bandcamp > brukbass.bandcamp.com

YouTube > https://goo.gl/TnzRFc

Facebook > https://www.facebook.com/bassbruk

Sobre Pollyanna Assumpção

Pollyanna Assumpção
Eu choro quando dois DJs que eu amo tocam ao mesmo tempo num festival.