Bhaskar, ao lado de Maz, mostra sua versatilidade em “Banzai”

Visitando produções do passado e comprovando cada vez mais sua versatilidade, Bhaskar se une a Maz para lançar “Banzai” pela Dawn Patrol Records.

Em 2016, após assistir Adriatique e Solomun no Tomorrowland Brasil, Bhaskar se sentiu inspirado para trabalhar em um som mais progressivo e assim “Banzai” começou a surgir. Porém, a faixa estava engavetada por não seguir a mesma direção dos outros lançamentos do artista na época. “No início da pandemia me deu vontade de revisitar esse projeto e eu vi que tinha muito mais conexão com o que eu estou fazendo no momento, estou explorando mais esse lado agora”, conta Bhaskar.

Esta foi, então, a oportunidade perfeita para que os amigos Maz e Bhaskar pudessem trabalhar juntos, um desejo que também era antigo. “O Bhaskar me mandou uma ideia de som mais ‘lado B’ e eu achei animal. Já tinha uma boa estrutura e bastante groove, entrei criando as melodias e a atmosfera da track, fechei o arranjo e mudei mais alguma coisa ou outra nas percussões. Acho que ficou uma música bem a cara dos dois, ela é bem pista, mas também é carregada de melodias e emoções. Conseguimos unir bem a identidade de ambos, misturando nossos estilos de maneira coerente e harmônica”, detalha Maz.

Sem conseguir defini-la em um único sub-gênero, os DJs e produtores comentam que “Banzai” é uma mistura de Tech House com Melodic House e Progressive. “Uma track bem pista, com um baixo progressivo, cheia de melodias, atmosfera e emoções”, descrevem.

Com o retorno das pistas cada vez mais próximo e o aumento da procura por esses gêneros dentro da música eletrônica, “Banzai” é considerada por Bhaskar como uma prova de que a música é algo atemporal, por ter sido iniciada há tanto tempo e, ainda assim, fazer sentido nos dias atuais.

Essa sonzeira está disponível nas principais plataformas digitais. Confira já “Banzai” de Bhaskar e Maz pela Dawn Patrol Records.

Meu nome é Renan Galati, tenho 23 anos e moro no interior de São Paulo na cidade de Ribeirão Preto, atualmente curso Jornalismo e sou um grande amante de musica eletrônica.