Lollapalooza Brasil: O reencontro com o festival!

O retorno do Lollapalooza Brasil, no Autódromo de Interlagos em São Paulo, certamente será um momento que entrará para a história. A última edição do festival foi em 2019, quando não pensávamos em passar pela pandemia da Covid-19. E assim, o Lollapalooza precisou ser adiado nos anos seguintes em 2020 e 2021, devido às situações da pandemia.

Enfim estamos na semana do Lolla. Com o festival próximo de acontecer, durante os dias 25, 26 e 27 desta semana, neste mês de Março. Contará com mais de 60 atrações e mais de 10 horas de música por dia, durante os três dias de festival. O público poderá reviver a união e o amor pela melodia que só o Lollapalooza proporciona essa experiência única.

Foto: Lollapalooza Brasil 2019 – Palco Perry’s

Nada melhor que o público, para entendermos o sentimento de reencontro com o “Lolla”. Em conversa, Natacha, de 28 anos, que mora em Ribeirão Preto, no estado de São Paulo, vai estar na sua 5º edição do festival.

“Meu primeiro lolla foi em 2015, minhas expectativas estão bem maior que daquele ano, com certeza será incrível estar de volta nesse festival. Lollapalooza não é um evento qualquer, a energia desse festival é única. Muita música boa, que fazem parte da nossa vida, e tudo perfeito, e tô bem feliz de poder voltar. Infelizmente não consegui ir em 2019, então fiquei super empolgada quando começaram as vendas de 2020, mas aí veio a pandemia. Então fiquei bem triste por não ir e por todo esse momento complicado que vivemos. Então, estou realmente ansiosa para o lolla 2022”, diz Natacha.

natacha lollapalooza 2016

Foto: Natacha – Lollapalooza Brasil 2016

“Bom, eu acredito que não só pra mim, mas para todos os consumidores deste festival está sendo uma semana de extrema ansiedade, até porque a gente vem de dois anos caótico, dois anos críticos e primeiramente queremos celebrar a vida e no Lollapalooza o brinde vai ser primeiramente a vida por ter e por termos chegados aqui com essa oportunidade de curtir o festival. Como também, por tudo ter voltado ao normal, e eu me sinto extremamente feliz de mais um ano estar participando desse evento incrível, no caso é a minha terceira edição e só agradecer assim a Deus a oportunidade e o evento de não ter desistido com tantas e tantos imprevistos acontecendo no mundo. E é isso. – “eu não vou embora” – Pra quem não sabe é um canto que cantamos durante o festival do Lollapalooza.” diz Ana Carolina, de 27 anos, de Cuiabá no Mato Grosso.

ana carolina lollapalooza

Foto: Ana Carolina – Lollapalooza Brasil

“O Lollapalooza é quase um símbolo para mim no começo do meu ano. Minha paixão por ele me faz confiar de olhos fechados na organização ao ponto de comprar meu ingresso todo ano no primeiro lote (sem saber qual vai ser o line up). E são nesses 3 dias que tiro para lavar a alma, cantar, dançar, conhecer gente nova e aproveitar a energia que só o Lollapalooza consegue ter. Através dele fiz amigos que geralmente só consigo encontrá-los no Lollapalooza, por serem a grande maioria de outros estados do Brasil. É o nosso ponto de reencontro. E mais do que isso, é no Lolla que tenho a oportunidade de ver bandas que eu gosto muito e que não são ainda mundialmente conhecidas. O festival significa tudo isso para mim, e ainda mais um pouco, desde diversidade, oportunidade até liberdade. E é por conta disso que não abro mão de estar lá, ano após ano. Em 2022 a edição promete ser histórica, visto que foram-se 2 anos sem poder realizar tal evento. Acredito que a emoção vai sair dos artistas e entrar com força no público. Vai ser impossível segurar as lágrimas e a emoção, ainda mais com o público brasileiro, que é tão apaixonado por isso. E essa vai ser a minha 6º edição do Lollapalooza”, conta Douglas Santos, de 31 anos, da cidade de São Paulo.

Douglas Santos lollapalooza 2018

Foto: Douglas Santos – Lollapalooza Brasil

“É impossível não estar ansiosa com a volta de um festival tão grandioso quanto o Lollapalooza, depois de 2 longos anos de espera vou poder curtir mais um ano de festival, será a minha quarta vez indo para o Lollapalooza e as expectativas são as melhores, sempre”, conta Rafaela Beatriz, de 24 anos, de Arapiraca em Alagoas.

“Eu já fui ao festival Lollapalooza algumas vezes. Esse ano vai ser a minha 5º edição. Minha primeira foi em 2014. Então agora nesse pós “pandemia” que a gente está de volta, estou pronto para mais um festival. Onde eu gosto muito de conhecer bandas novas, além de ver as que conheço também. Mais do que isso, eu encontro pessoas, revejo pessoas, conheço pessoas novas, isso é que é o bom do festival. Então as minhas expectativas para esse ano estão bem altas, porque eu acho que vai ser um Lolla de celebração da vida, desse pós-momento traumático que foi e que ainda está sendo um pouco, mas que vamos aproveitar a música, a vibe que é o festival e essa união com as pessoas”, conta André, de 29 anos, de Fortaleza no Ceará.

A partir desses depoimentos, é possível sentir que a ansiedade e emoção já falam mais alto, cada vez que fica mais próximo do reencontro com o Lollapalooza Brasil. Então nesta edição além de curtir os melhores shows, vamos também celebrar a vida e esse momento que será único para todos.

Entre as principais atrações dessa edição estão, The Strokes, Alan Walker, Miley Cyrus, Alok, Foo Fighters, Martin Garrix, Alesso e muito mais. Mais informações você confere, aqui.

Créditos foto de capa: Fábio Tito/G1

 

Meu nome é Renan Galati, tenho 24 anos e moro no interior de São Paulo na cidade de Ribeirão Preto, Estudante de Jornalismo apaixonado por música eletrônica.